Abril 07, 2006

ANEXO I

TRABALHOS PRÁTICOS PARA A 9.ª CADEIRA: “Química mineral e orgânica; Análise química”, Ano lectivo 1889-1890, organizados de acordo com a portaria com instruções regulamentares de 8 de Agosto de 1889

«Na 9.ª cadeira começaram os trabalhos dos alunos pelas seguintes operações preliminares. Cristalizações por via seca e por via húmida, sublimações, dissoluções, filtrações, destilações e calcinações. Montagem de aparelhos para obter gases a frio e a quente. Dobradura e encurvadura de tubos de vidro ao maçarico, abertura de furos em rolhas, etc.
Depois disto passaram às seguintes preparações e experiências. Preparação do gás hidrogénio pelo zinco e ferro e ácido sulfúrico, resolução de problemas relativos ao cálculo pelos equivalentes do peso dos corpos empregados nas preparações químicas; purificação do hidrogénio e verificação das suas principais propriedades físicas e químicas; aplicação do gasómetro de Mitscherlich; experiências sobre transvasamento de gases. Preparação do gás cloro pelos processos de Scheele e de Berthelot; exame das propriedades físicas e químicas do cloro; sua acção descorante, desinfectante; acção sobre o hidrogénio, o fósforo, o antimónio, o arsénio e o cobre.
Preparação do bromo, suas principais propriedades. Extracção do iodo dos iodetos alcalinos e purificação química deste metalóide, exame de algumas das suas propriedades físicas e químicas.
Preparação do oxigénio pela decomposição do clorato de potássio, do peróxido de manganês e ácido sulfúrico, e do cloreto de cálcio do comércio (processo Fleittmann). Combustões no oxigénio. Experiências com a luz Drumond. Caracteres físicos e químicos do oxigénio.
Preparação do oxigénio alotrópico (ozono) pelo fósforo, pelo eflúvio eléctrico nos aparelhos ozonizadores de Berthelot e de Houzeau, pela faísca de indução, pela electrolisação da água e pela decomposição do dióxido de bário pelo ácido sulfúrico. Caracteres químicos do ozono. Enxofre, verificação das suas principais propriedades físicas e químicas. Azoto, sua extracção do ar atmosférico pelo fósforo, pelo cobre e amoníaco, pelo cobre ao rubro, pelo nitrito de potássio e pelo cloro e amoníaco. Caracteres distintivos do Fósforo, experiências da conversão do fósforo branco ordinário em vermelho. Carbono, exame das propriedades descorantes e desinfectantes ou absorventes do carvão.
Preparação da água oxigenada pelo processo de Thénard. Decomposição da água oxigenada pelo calor, pela esponja de platina, pelo carvão, etc. Preparação do ácido clorídrico gasoso e da sua dissolução na água. Decomposição electrolítica do ácido clorídrico, experiências com o ácido gasoso. Preparação do ácido fluorídrico e sua aplicação à gravura em vidro. Preparação do ácido sulfídrico pelo sulfureto de ferro e ácido sulfúrico e pelo sulfureto de antimónio e ácido clorídrico. Aplicação dos aparelhos de Wartha e de Keep. Verificação da pureza e da acção do ácido sulfídrico sobre o cloro, ácido sulfuroso e alguns metais.
Preparação do gás amoníaco e da amónia. Acção da água, do cloro, do carvão e da faísca eléctrica sobre o gás amoníaco. Preparação do protocarbureto de hidrogénio e do gás oleificante (bicarbureto). Reacções do gás cloro e do oxigénio sobre o etileno.
Preparação do óxido de carbono pelo ácido oxálico e ácido sulfúrico. Verificação da sua pureza, combustibilidade, etc.
Preparação do ácido carbónico no aparelho ordinário, no de Wartha e no de Briét. Experiências sobre a solubilidade, incombustibilidade, densidade, etc., do gás carbónico. Preparação do anidrido sulfuroso pela combustão do enxofre no sulfurador de Silva Pinto e pelo ataque do cobre, carvão e mercúrio pelo ácido sulfúrico em aparelhos de laboratório.
Preparação do ácido sulfuroso líquido e da sua dissolução aquosa. Acção do ácido sulfuroso sobre as matérias corantes vegetais e sobre o ácido sulfídrico, o dióxido de chumbo, o permanganato de potássio, etc. Experiências sobre a densidade do gás, a extinção da combustão, etc.
Preparação do anidrido sulfuroso pela decomposição do ácido dissulfúrico. Preparação do ácido sulfúrico ordinário (experiência demonstrativa das reacções, que se realizam nas câmaras de chumbo) e obtenção dos cristais de ácido azoto-sulfúrico. Algumas propriedades do ácido sulfúrico.
Preparação do protóxido e do dióxido de azoto. Exame das suas propriedades e reacções características. Preparação do ácido azótico fumante e estudo das suas propriedades.
Preparação do anidrido fosfórico. Preparação dos ácidos meta, piro e ortofosfórico pela decomposição do fosfato de amónio, pirofosfato de chumbo e ataque, por cohobação, do fósforo vermelho pelo ácido nítrico.
Preparação do fluoreto de silício e do ácido hidrofluorsilícico. Preparação do ácido prússico ou cianídrico concentrado pelo ferrocianeto de potássio e ácido sulfúrico. Reacções do ácido cianídrico.
Acção da água sobre os metais alcalinos (sódio e potássio). Preparação dos amálgamas de potássio e de amónio. Preparação dos seguintes sais: iodeto de potássio cristalizado; cloreto de bário cristalizado pela decomposição do carbonato de bário natural (withérite) e do sulfato (baritina); cloreto de cálcio cristalizado, anidro e fundido; cloreto de amónio; percloreto de ferro anidro; sulfureto de ferro por via ígnea e por via húmida.
Análise volumétrica do ar pelo fósforo a frio e a quente, pelo pirogalhato de potássio (determinação do ácido carbónico, do azoto e do oxigénio); análise pelos eudiómetros.
Análise da água (electrólise) pelo voltâmetro ordinário e pelo voltâmetro de Hofmann. Análise qualitativa da água ordinária; reconhecimento, por meio de reactivos químicos, do ácido carbónico (carbonatos e bicarbonatos), do cloro, do ácido sulfúrico, do ácido azótico, do cálcio, do magnésio e da matéria orgânica.
Hidrotimetria, inclusive a preparação e graduação do licor hidrotimétrico.
Reacções características da água oxigenada ou dióxido de hidrogénio.
Reacções químicas distintivas dos ácidos: sulfuroso, sulfúrico, azótico, clorídrico, fosfórico, etc., e reconhecimento das impurezas que contêm os ordinários ou de comércio.
Dosagem do ácido sulfúrico, do ácido sulfídrico de uma água sulfatada e do cloro no cloreto de cálcio do comércio.
Pesquisa do fósforo elementar pelo aparelho de Vrig e de Vander Bowg, e do arsénio e antimónio pelo aparelho de March.
Análise espectroscópica dos metais alcalinos e dos alcalino-terrosos.
Análise quantitativa da liga de prata monetária e da liga de prata de baixela por via seca. Ensaios por copelação.
Determinação do título ponderal de uma potassa comercial pelo processo de Gay-Lussac.
Reacções características e distintivas dos principais óxidos metálicos dos seis grupos e dos seus radicais.
Reacções características dos cloretos, brometos, iodetos, fluoretos, cianetos, sulfuretos, cloratos, hipossulfitos, sulfitos, sulfatos, nitratos, fosfatos, carbonatos e cromatos.
Dosagem do álcool nos vinhos.
Dosagem do carbono, do hidrogénio e do oxigénio (por diferença) de uma substância orgânica ternária.
Dosagem do azoto, no estado de amoníaco, pelo processo de Will modificado por Peligot.»

Fonte: PEGADO, Luís Porfírio da Mota (1891) - Relatório sobre o Instituto Industrial e Comercial de Lisboa; Ano lectivo 1889 – 1890. Lisboa, Imprensa Nacional
[Isabel Cruz]